Official website of the New England Patriots

replay
Patriots Replay Tue Jul 07 | 12:00 AM - 11:55 AM

Jogadores comentam saída de Collins

Artigo original de Erik Scalavino

A divulgação da troca de Jamie Collins com o Cleveland aconteceu há dois dias e, claro, muitos dos especialistas em Patriots e NFL ainda estão digerindo a informação tentando compreender. O mesmo acontece com os jogadores da equipe nos vestiários de New England. As repostas dadas aos jornalistas sobre o assunto  foram bem sinceras.

"Eu fiquei chocado, isso é tudo. Apenas chocado", admitiu o cornerback Malcolm Butler, lembrando de quando recebeu a notícia, no Halloween. Butler também comentou que sentirá falta de "tudo" relacionado à Collins, mas rapidamente enfatizou: "Ele não está mais aqui. Temos que seguir em frente". E este foi o sentimento que prevaleceu no Patriots na terça-feira.

Outros, como o veterano defensive end Rob Ninkovich, foram mais filosóficos quanto ao assunto. "Jogo na NFL há 11 anos. Sei como funciona. Sei que é um negócio e que você precisa ter boa performance. Talvez seja chocante para os caras mais novos, mas já vi muitas coisas acontecendo durante minha carreira. Inclusive já aconteceram comigo", afirmou. "Quando você perde um companheiro de time, é definitivamente diferente, uma mudança que pode te pegar desprevenido, mas ainda temos muitos jogos pela frente. Você não pode deixar que coisas fora de seu controle afetem sua maneira de jogar. Preciso continuar a focar em mim e melhorar. Sempre há espaço para melhorias. Vou encarar cada semana e me preparar para estar melhor nas próximas oito partidas. Temos que fazer mais jogadas. Eu tenho que fazer mais jogadas e é assim que deve ser".

"Trocas são feitas, obviamente, lá em cima, e isso é o negócio. Isso é futebol. Você nunca sabe", lembrou o defensive end Jabaal Sheard. É uma decisão de futebol, mas também tem repercussões pessoais tanto para Collins quanto para o time. O linebacker Elandon Roberts elogiou o colega: "Jamie é uma ótima pessoa, dentro e fora do gramado. Isso é tudo que posso dizer. Foi um bom parceiro de trabalho". Roberts também deixou claro que não sente pressão em assumir responsabilidades de Collins. "Se o time precisar que eu faça mais, assim farei. Estou disposto a fazer todo o necessário para levar nossa equipe ao próximo nível. Tenho muito trabalho pela frente. Neste momento, estou apenas focado em estar pronto para Seattle".

Mesmo com um final de semana de folga antes do embate contra o Seahawks, na Semana 10 da temporada, não há tempo para lamentar a saída de Collins. Há muito a ser feito para corrigir as inconsistências da defesa nas últimas oito partidas.

This article has been reproduced in a new format and may be missing content or contain faulty links. Please use the Contact Us link in our site footer to report an issue.

Latest News

Advertising