Official website of the New England Patriots

replay
Patriots Replay Wed Jul 15 | 12:00 AM - 11:59 PM

Jogadores dos Patriots fazem antevisão no regresso a casa de Tom Brady e Julian Edelman

Para a comunicação social a quarta-feira é um dos melhores dias da semana pois vários jogadores e elementos das equipas técnicas são disponibilizados para prestar declarações. 

Dois dos jogadores mais conhecidos do New England Patriots, Tom Bradye Julian Edelman, estiveram nesse grupo, em parte porque ambos nasceram e foram criados na California.

Tom Brady nasceu em San Mateo, na California, e quando jovem era um grande fã do São Francisco 49ers e do seu quarterback Joe Montana, um dos seus ídolos.

Embora já esteja na NFL há 17 anos, esta será a primeira vez que Tom Brady terá oportunidade de jogar na zona onde nasceu.

"A última vez que tivemos a oportunidade foi em 2008, eu tinha tudo arranjado e preparado, antes do início da temporada, para a minha família e os amigos, mas depois lesionei-me," recordou Brady. "Por isso é [chocante], é [jogar lá pela primeira vez]. Vai ser muito divertido. Eu tenho muitas pessoas que vão ao jogo e será um ótimo ambiente."

E são realmente muitas pessoas. Por isso Tom Brady tem passado os últimos dias a tentar conseguir bilhetes para todos.

"Mais do que nunca, mas estou feliz por fazer isso," disse Brady. "Posso nunca mais tornar a ter essa oportunidade, por isso é agradável ter todo este apoio, e tenho tido imenso na Bay Area ao longo dos anos. O meu liceu, a minha escola primária, e ainda tenho muitos amigos de infância e treinadores, a minha família, os meus tios e tias, primos. Será muito divertido estar lá."

O que já mudou foi a forma como apoiavam os 49ers, pois "já não falamos sobre os 49ers. Antigamente só falávamos nisso."

8e258b08d0944b09959f6e9aeeed906c.jpg

ParaTom Brady vai ser um dia muito especial porque "eu nunca tive a oportunidade de jogar na presença da minha família. Nunca tive a oportunidade de jogar perante os meus amigos. Cresci na área da baía e amava o football, por isso foi uma altura excelente para crescer a ver o sucesso do 49ers e os melhores quarterbacks, o Steve [Young] e o Joe [Montana] e o que eles foram capazes de fazer. Tive a sorte de crescer na área da baía naquela época e lembro-me sempre dos comícios para os Super Bowls e a minha mãe a tirar-me da escola e batermos nas panelas e nas frigideiras no El Camino depois de ganharem os Super Bowls. Essas memórias nunca vão ser apagadas."

A concluir um dos jornalistas perguntou-lhe o que estará no seu pensamento quando ouve os críticos a compararem-no com Joe Montana, o seu ídolo, com um dos melhores quarterbacks de sempre.

"Eu nunca me vejo como ele. Ele foi tão espetacular e eu penso que ele está na sua própria liga," respondeu Brady. "Eu vou tentar encontrar maneiras de ajudar a minha equipa e ser o melhor que possa ser todas as semanas. Sinto que aprendi imenso ao longo dos últimos anos com o meu estilo de jogo. Como eu disse, eu adoro estar aqui e competir e espero ganhar, e foi que o Joe [Montana] fez. Ele era um vencedor. Sempre que entrou em campo, ficava-se com a sensação de que os 49ers iam ganhar. Lembro-me de torcer por aquela equipa quando Joe estava a jogar a quarterback e tu sempre sentias que eles iam ganhar fosse qual fosse o adversário, fosse onde fosse o jogo, e foi o mesmo quando o Steve [Young] tomou conta [da equipa]. Como eu disse, era ótimo ser um fã dos 49ers naquela época."

Por sua vez Julian Edelman, que está na sua oitava temporada nos Patriots, nasceu em Redwood City, na California. Para ele este jogo vai ser "muito emocionante. O novo lugar [estádio] não é nenhum Candlestick [Park, antigo estádio], mas será muito divertido regressar, ter a oportunidade de jogar perante alguns amigos e família. Ter ido a Santa Clara, ter ido ao 'Great America' toda a minha vida, vai ser fixe."

9a53aa786cc7444bb388ab8193276f9c.jpg

O Great America é um parque de diversões enorme, pois tem cerca de 100 hectares, e fica situado em Santa Clara, perto do estádio dos 49ers.

"Ter a oportunidade de regressar a casa e defrontar o San Francisco 49ers, a equipa por quem eu torcia quando cresci, vai ser emocionante," concluiu Edelman.

OS AVISOS DO TREINADOR

Mas, embora os dois jogadores estejam a viver momentos de grande emoção, o treinador Bill Belichick não os deixou esquecer que têm um jogo para disputar. Vai ser contra um adversário que tem tido um início de época bastante negativo, pois só conseguiu uma vitória nos nove jogos disputados até ao momento, mas mesmo assim o treinador dos Patriots avisa que quem acredita em facilidades normalmente sai derrotado.

"Eu penso que eles têm vindo a melhorar. Pode-se ver que estão melhores de semana a semana. Nas últimas duas semanas eles criaram imensas jogadas explosivas no ataque, mais do que tinham feito," avisou Belichick. "Fizeram um jogo muito competitivo em Arizona, o mesmo tipo de jogo que nós fizemos contra os Cardinals, em dúvida até a última posse de bola."

E para ter a certeza que os seus jogadores estão a prestar atenção, o treinador dos Patriots relembrou o que aconteceu no ano passado, quando os Patriots subestimaram Philadelphia, equipa na altura treinado pelo atual técnico dos 49ers, Chip Kelly. Por isso, os Patriots foram surpreendidos em casa, perdendo por 35-28.

Bill Belichick Press Conference - 10/16/2015

"Eu sei que muitas pessoas diziam a mesma coisa no ano passado, quando os Eagles tinham perdido alguns jogos por quatro touchdowns e vinham aqui [a Foxboro] com maus resultados e depois eles vieram cá e deram-mos uma martelada," relembrou Belichick. "Por isso realmente eu não dou muita credibilidade a isso. A maneira como eles jogaram na semana passada contra Arizona é muito indicativa do nível do seu talento e da sua capacidade de fazer as coisas certas contra uma boa equipa."

Para Rob Ninkovich é importante esquecer a derrota da semana passada, "ver o filme do jogo, corrigir alguns erros. Neste momento, todas as três fases [defesa, ataque e equipas especiais] têm de continuar a melhorar e compreender que temos muito mais football para jogar. Começa hoje, nos treinos, correndo e tentando fazer uma preparação. Cada dia é um novo dia."

Chris Long também não se vai deixar afetar pela derrota, pois "mesmo se nós tivéssemos jogado bem, mesmo assim teríamos algo a provar. Todas as semanas, temos algo a provar. Se tiveres uma mentalidade diferente nesta liga, vais ser envergonhado porque todas as semanas tens que defrontar boas equipas. São Francisco certamente é [uma delas]."

"Obviamente, eles [os Eagles de Chip Kelly[ fizeram muitas coisas bem contra nós, especialmente no* kicking game*," acrescentou Matthew Slatter. "Há muitas coisas que temos de aperfeiçoar e corrigir à medida que a semana decorre, mas eu penso que neste momento estamos apenas tentando saber quem eles são e compreender contra quem é que vamos jogar no domingo."

"Não se deixem enganar pelos resultados," acrescentou Julian Edelman. "É uma equipa que não conhecemos. Não os conhecemos e não temos jogado contra eles. Temos que aprender quem eles são e aproveitar os treinos desta semana."

No domingo vamos saber se realmente os Patriots aprenderam tudo o necessário sobre São Francisco, um adversário que aparenta ser presa fácil, mas todos sabem que na NFL não há adversários fáceis e quem não se prepara bem, acaba mal.

This article has been reproduced in a new format and may be missing content or contain faulty links. Please use the Contact Us link in our site footer to report an issue.

Advertising