Official website of the New England Patriots

A defesa dá sinais de vida, está a melhorar

Estatisticamente é a terceira melhor defesa da NFL. Mesmo assim, alguns críticos e fãs continuam algo apreensivos com o desempenho da defesa do New England Patriots, que continua a ser um trabalho em progresso. Em São Francisco já se notaram melhorias.

Nos programas de linha aberta nas estações de rádio e na televisão o desempenho da defesa do New England Patriots continua a ser o tema de maior preocupação. O certo, porém, é que pelo menos estatisticamente o setor defensivo da turma da Nova Inglaterra é considerado o terceiro melhor da NFL, atrás apenas de Seattle e Minnesota, tendo consentido um total de 180 pontos, apenas mais sete do que Seattle e mais quatro do que Minnesota.

20161017_710x380_donta_hightower_weei_interv_thumb.jpg

"Acho que o trabalho número um da defesa é impedir que a outra equipa marque e neste momento penso que nós somos a n º 3 nisso, " disse o linebacker Dont'a Hightower durante o apontamento semanal que tem na estação de rádio WEEI em Boston. "Estamos a fazer um bom trabalho nisso. Pode haver algumas coisas que temos que melhorar — as terceiras descidas, sair fora do campo e atingir o quarterback. São coisas que temos que trabalhar através [da temporada] como defesa. Nós sabemos o que queremos fazer, e temos a mentalidade certa e temos as pessoas certas. Só temos que ir para o campo e executar todas as semanas."

Por sua vez o coordenador defensivo Matt Patricia aproveitou a conferência de imprensa de terça-feira para explicar que a defesa continua a trabalhar para melhorar.

"As nossas expectativas são as mesmas todas as semanas," indicou Patricia. "Nós vamos para o campo e vamos competir e fazer o melhor que podermos e tentar melhorar de semana para semana com quem quer que seja que esteja em campo, e é isso que tentamos fazer.

"Penso que uma das coisas muito boas da temporada da NFL é se trata duma longa temporada. É uma temporada que está em constante evolução. Se olhar para as equipas que no decorrer das diversas épocas acabam onde querem chegar, tenho a certeza que essas equipas passaram por muitas coisas diferentes ao longo da temporada."

ALGUMAS OBSERVAÇÕES DO JOGO EM SÃO FRANCISCO

No jogo em São Francisco a defesa dos Patriots conheceu altos e baixos. Embora a turma da casa tenha conseguido alguns bons avanços no jogo terrestre, houve jogadores que se destacaram, casos do rookie Vincent Valentine, que decerto vai ver aumentar o número de jogadas, snaps, no próximo jogo devido à suspensão de Alan Branch.

e7fdb80acb5c458bbb982d9c3da6cea8.jpg

"O que temos visto até agora [de Vincent Valentine], e o que estamos a tentar fazer, é que temos um jovem que está a trabalhar arduamente para melhorar. Ele tem demonstrado algumas melhorias. Ele tem um bom comprimento e um bom tamanho, por isso quando joga com boa técnica e consegue essa extensão e evitar os bloqueadores à sua volta, faz algumas jogadas," respondeu Matt Patricia quando instado a comentar a evolução de Valentine. "A consistência é o que estamos a procurar."

"Ele é um bom jogador jovem que está a tentar fazer tudo da maneira certa."

CINCO SACKS

À entrada no jogo, a defesa dos Patriots tinha conseguido apenas 16 sacks, o quarto pior total da liga, mas frente aos 49ers registou cinco, por Patrick Chung, Malcolm Butler, Kyle Van Noye Dont'a Hightower na primeira parte, e Rob Ninkovich na segunda.

Bill Belichick ficou particularmente agradado com o sack registado por Patrick Chung.

"A parte mais difícil daquela jogada foi fazer o tackle ao quarterback," disse Belichick. "Já tivemos um número de situações este ano em que estivemos naquela situação…mas não conseguimos chegar ao quarterback. Ele conseguia escapar de alguma forma e o [Colin] Kaepernick quase escapou ali também. O Patrick [Chung] agarrou-o, apanhou-o na perna ou no tornozelo e depois mais alguém, acho que pode ter sido o Trey Flowers, ou mais alguém, ajudou a acabar a jogada."

"Ele [Chung] tem que ser um dos melhores tacklers na liga quer esteja na linha ou a cobrir espaço ou quem ele está a agarrar. Ele é muito bom. Penso que foi um tackle muito bom naquela jogada, e não era fácil."

E também não se pode ignorar o ajustamento efetuado durante o jogo, pois a 5:02 do intervalo a defesa já tinha consentido 10 pontos, mas São Francisco só tornou a marcar a 2:10 do final da partida, ou seja esteve mais de 33 minutos sem conseguir pontos.

BOA ESTREIA DE KYLE VAN NOY

O linebacker Kyle Van Noy, obtido a 25 de Outubro ao Detroit Lions a troca de uma escolha de sexta ronda no draft de 2017, teve uma estreia auspiciosa frente a São Francisco. Para além do sack, Van Noy acrescentou três tackles e várias jogadas de pressão sobre Colin Kaepernick.

9ff9608c70144bf5868883e6c7402222.jpg

"Penso que ele [Van Noy] nos ajudou um pouco," disse Bill Belichick após o final do jogo do domingo passado. "Vamos ver como é que está no filme, mas ele tem traz-nos alguma versatilidade, pode fazer rush, cobertura, [está em boa] forma."

Para o capitão da defesa Devin McCourty a exibição frente aos 49ers foi um passo em frente, agora há que dar continuidade aos melhoramentos.

"Entrámos com energia, mas não interessa quanta energia tu tens no aquecimento e no pontapé de saída," explicou McCourty. "Tivemos jogadores a dar um passo em frente e a completar jogadas. Penso que podemos dar sequência a isto. Quando se consegue sucesso defensivamente, cria-se impulso. Cada parte do jogo é assim, tens de continuar a fazer boas coisas para manter o nível de energia alto."

Portanto há luz ao fundo do túnel, os jogadores e equipa técnica sentem que a defesa vai continuar a melhorar e prometem dedicar-se ao trabalho para que isso aconteça.

"Vamos tentar jogar o nosso melhor football daqui para a frente com quem quer que seja que esteja em campo e tentar melhorar aconteça o que acontecer," prometeu Matt Patricia. "Eu tento sempre ter a certeza que faço tudo o que puder para ajudar a nossa equipa a ganhar e a fazer o melhor trabalho possível. De semana a semana, é o que tento realmente fazer. Desse ponto de vista, estes jogadores sabem isso. Nós estamos sempre a tentar fazer tudo para ajudar a equipa a vencer."

O teste que se segue é já no domingo, frente a um dos rivais, o New York Jets.

This article has been reproduced in a new format and may be missing content or contain faulty links. Please use the Contact Us link in our site footer to report an issue.
Advertising

Latest News

Presented by
Advertising

Trending Video

Advertising

In Case You Missed It

Presented by
Advertising