Official website of the New England Patriots

As questões sobre o futuro de Jimmy Garoppolo

A questão que se coloca é muito simples: o New England Patriots tem uma decisão a tomar em relação a Jimmy Garoppolo: ou negoceia a sua transferência para uma outra franquia nos próximos dias, ou fica com ele como reserva caso aconteça alguma coisa a Tom Brady. Se a equipa técnica liderada por Bill Belichick optar por reter Garoppolo no plantel durante toda a temporada, sabe muito bem que o jogador termina o seu contrato no final da próximo temporada e portanto nessa altura sairá a custo zero para representar quem ele muito bem entender, quem lhe oferecer o melhor contrato.

Nos últimos dias esta questão tem sido um dos temas mais debatidos na comunicação social. Para muitos, o valor hipotético de Jimmy Garoppolo numa transferência será bastante elevado porque os quarterbacks que vão estar disponíveis no* draft,* que este ano terá lugar entre 27 e 29 de Abril, aparentemente deixam algo a desejar.

beb03738f8c44b4192e694d8a9f83bab.jpg

E isso será muito problemático para as várias franquias que necessitam desesperadamente de um quarterback de valor. Para eles as opçõs são arriscar num jovem inexperiente, vindo da universidade, que não dá garantias totais pois através dos anos muitos foram aqueles que eram considerados super estrelas quando escolhidos no* draft*, mas depois, na prática, acabaram por fracassar.

A outra opção seria tentar convencer os Patriots a negociar Jimmy Garoppolo, que para inúmeros observadores demonstrou inequivocamente nos dois jogos em que substituiu Tom Brady que tem valor para singrar na NFL. Nesses dois jogos, Garoppolo completou 42 de 59 passes, totalizando 496 jardas e quatro* touchdowns*, zero interceções.
E o que é que os Patriots querem fazer? Só eles sabem e não dizem a ninguém. Como em todos os negócios, muito dependerá do que for oferecido e aí as opiniões dividem-se.

AS ESPECULAÇÕES

Um bom exemplo desta divisão de opiniões ocorreu na quinta-feira quando dois comentaristas da ESPN ofereceram opiniões contraditórias.

Ed Werder, sem revelar nomes, disse que algumas das suas fontes dentro da organização dos Patriots lhe tinham dito que Jimmy Garoppolo vai permanecer na equipa pelo menos até ao início da temporada.

Em contraste, Adam Schefter, no program "Mike & Mike", disse que tinha ouvido boatos semelhantes, mas que mesmo assim acreditava que alguém fará uma proposta por Garoppolo que será demasiado boa para ser recusada pelos Patriots.

"Há pessoas diferentes na organização dos Patriots que têm escolas de pensamento diferentes", disse Schefter. "Falei com uma pessoa há um mês atrás que me disse que ficaria chocado se transferirem o Jimmy Garoppolo. Simplesmente penso que há um interesse muito elevado e eventualmente alguém vai oferecer o suficiente para o levar.

"Há equipas suficientes que necessitam de alguém para o lugar de quarterback *e não há muitos *quarterbacks por aí... Penso que vão receber telefonemas. E caberá a alguma equipa conseguir convencer os Patriots, oferecendo o suficiente para eles estarem dispostos a deixá-lo ir."

Embora não haja confirmações, pois presentemente estas sugestões são pura especulação, tudo indica que as franquias mais interessadas nos serviços deJimmy Garapollo são principalmente Chicago e Cleveland, surgindo depois San Francisco, e Houston supostamente também terá demonstrado algum interesse.

E o certo é que estas franquias têm ativos de valor a oferecer, escolhas de primeira ronda no *draft *de Abril, e se alguém quiser conversar os Patriots provavelmente estarão recetivos pelo menos a dialogar.

Quem também veio a público elogiar Garoppolo foi Charley Casserly, que há uns anos atrás venceu um Super Bowl quando era o general manager de Washington.

Para ele, numa entrevista concedida à NFL Network, Garoppolo é superior a qualquer quarterback que esteja disponível no draft de Abril.

"Não estou impressionado com qualquer um dos quarterbacks neste draft, primeiro," disse Casserly. "Segundo, o Garappolo neste momento é melhor do que qualquer quarterback neste draft. Ele já tem três anos de experiência. Você olha para ele quando saiu (da universidade), e ele tinha uma liberação rápida, ele é esperto, sabe para onde deve lançar a bola. Ele tem precisão no passe, e pode completar algumas jogadas em movimento. Você vê todas (essas coisas) na NFL. A sua precisão nos passes longos… gostaríamos que fosse um pouco melhor."

ADMIRADO PELOS COLEGAS DE EQUIPA

Mas será que Jimmy Garoppolo é mesmo assim tão bom jogador? Os seus colegas de equipa pensam que sim.

0ap3000000785932_video_player_cp.jpg

"Eu não sou pago como um GM [General Manager], por isso não sei muito sobre essas questões de valores, mas no que se refere a um jogador com quem jogo todos os dias, o Jimmy Garoppolo é um garanhão," disse Julian Edelman em entrevista concedida à NFL Network. "Ele esteve em campo e jogou na temporada regular, e jogou muito bem. Ele tem o tipo confiança de pistoleiro, o tipo de confiança que têm o Brett Favre, o Aaron Rodgers. Ele treina arduamente, prepara-se arduamente, é um bom rapaz, é jovem. Eu penso acho que ele é um bom jogador."

Nos dias que antecederam o Super Bowl vários jogadores dos Patriots já haviam emitido a sua opinião sobre Jimmy Garoppolo.

"O Jimmy pode jogar nesta liga e jogar durante muito tempo," sugeriu Chris Hogan. "Ir para [o jogo de abertura] o Arizona, e jogar como ele fez, diz muito."

E até o quarterback Josh McCown, que esteve algum tempo no Cleveland Browns, considera queJimmy Garoppolo encaixaria perfeitamente na sua ex-equipa. Numa entrevista concedida a Mary Kay Cabot do Cleveland.com, McCown deixou alguns elogios.

"Eu vi-o [Jimmy Garoppolo] no filmes dos jogos porque tivemos um adversário comum em Miami," explicou McCown. "Ele fez alguns passes de alto nível e algumas coisas que nos deixariam entusiasmados com a sua habilidade para liderar uma franquia. Isso estava definitivamente no filme."

Para McCown há um outro aspeto a ter em conta: o tempo passado a aprender com Tom Brady.

"Ele ganhou uma vasta experiência a jogar com um jogador como o Tom Brady, por isso penso que há ali muito potencial aqui e uma oportunidade de vir a ser um jogador muito especial," acrescentou McCown. "Posso ver por que motivo as pessoas lhe dariam a oportunidade de ser o líder da franquia. Você certamente pode ver isso e ele está a fazer esses passes a um nível elevado contra talentos da NFL, portanto eu ficaria entusiasmado com ele, com certeza."

O QUE PENSA JIMMY GAROPPOLO

E o que é que Jimmy Garappolo pensa dos boatos sobre uma possível transferência? Numa entrevista concedida a Sarah Barshop, da ESPN, pouco antes do Super Bowl, o jovem quarterback não se quis alongar em comentários.

a8f250f2df5b4bd396d74e357d61bcb1.jpg

"Bem, para ser sincero, eu não tenho pensado muito nisso," disse Garoppolo. "É uma espécie de... nem sequer está no fundo da minha mente. Esta semana estamos focados nos Falcons. É uma semana importante para nós, a mais importante do ano, portanto é aí que está focada a minha mente."

Sobre os dois jogos em que foi titular, limitou-se a dizer: "foi uma boa oportunidade e eu entrei no campo e tentei tirar proveito disso e fazer tudo o que podia. E saiu muito bem. A lesão, obviamente, não foi a melhor coisa, mas penso que em termos gerais foi uma boa experiência."

Portanto, a decisão a tomar dependerá das ideias da equipa técnica dos Patriots. Tom Bradytem afirmado repetidamente que pretende jogar durante mais cinco anos e depois da exibição no Super Bowl decerto ninguém duvidará que o possa fazer. Mas, o certo é que quando começar a nova temporada já terá 40 anos de idade e o tempo não perdoa. Por isso, se Bill Belichick tiver algumas dúvidas, Jimmy Garoppolo será uma boa apólice de seguro.

Como tal, os Patriots poderão até tentar prolongar o contrato, algo que não se afigura muito provável pois Garoppolo decerto estará interessado em mudar de casa porque em Foxboro não terá muitas hipóteses de jogar a não ser que surjam lesões.

A ideia com que se fica é que os Patriots terão de decidir o mais depressa possível se querem reterJimmy Garoppolo ou se preferem tirar proveito das ofertas que aparentemente vão surgir. Por outro lado, há a questão de tentar saber qual é o verdadeiro valor de Garoppolo no mercado. Uma escolha de primeira ronda no* draft* e mais outra numa ronda mais avançada, duas escolhas de segunda ronda? Tudo depende da vontade e da necessidade de quem tentar convencer os Patriots a ceder o jogador.

Como é já no dia 9 de março que as franquias podem começar a contratar os jogadores em fim de contrato, os* free* agents, e os Patriots têm 20 nessa lista, é importante decidir o mais depressa possível, pois todas as decisões estão relacionadas. E quanto mais ativos tiver ao seu dispor, mais fáceis serão as decisões a tomar por Bill Belichick e a sua equipa técnica.

This article has been reproduced in a new format and may be missing content or contain faulty links. Please use the Contact Us link in our site footer to report an issue.

Advertising