Official website of the New England Patriots

replay
Patriots Replay Wed May 27 | 12:00 AM - 11:59 PM

Brady ausente, mas Jimmy Garoppolo leva Patriots à vitória sobre os Bears, 23-22

Foi verdadeiramente um esforço coletivo a vitória dos Patriots sobre os Bears, 23-22, já que envolveu todas as facetas do jogo e uma série de exibições individuais que decerto alegraram a equipa técnica.

ap_tom_brady.jpg

Inicialmente estava previsto que Tom Brady seria titular neste jogo, mas à última da hora acabou por ser Jimmy Garoppolo quem iniciou o encontro como quarterback.

"Eu tomei a decisão de ele não jogar hoje à noite," respondeu o treinador Bill Belichick quando lhe perguntaram os motivos da ausência de Brady.

Embora tenha sido apanhado de surpresa, Garappolo respondeu da melhor forma e à semelhança do que acontecera a semana passada frente a New Orleans, foi melhorando com a passagem do tempo, completando 16 dos 21 passes, num total de 189 jardas e um touchdown.

O segundo período foi a melhor fase de Garappolo, pois conseguiu 17 pontos, incluindo uma impressionante drive de dois minutos na ponta final, seguida de uma conversão de dois pontos que permitiu levar os Patriots para o intervalo a ganhar por 17-11.

Ao todo Garappolo conseguiu pontuar em quatro das seis drives que comandou e só não conseguiu mais pontos devido a um fumble de Brandon Bolden na linha de 5 jardas dos Bears. O seu rendimento sugere que ter sido avisado à última da hora de que iria ser titular não o afetou. 

Garappolo esclareceu que "foi de repente, pouco antes do jogo" que foi informado de que iria jogar. "Não pensei que iria (jogar de início), mas depois aconteceram umas coisas e fui enviado para dentro. Acho que foi um bom teste, estás sempre em bicos de pés. O treinador [Bill Belichick] está sempre a pregar que tu nunca sabes quando é que vais entrar ou quando é que vão chamar pelo teu número. Tens que estar preparado para isso".

"Faz parte do futebol," acrescentou Bill Belichick. "Acontecem coisas inesperadas. Ele (Garappolo) está preparado para isso desde o dia em que aqui chegou. No ataque, para os quarterbacks, chama-se a isso um audível (audible)."

ap_jimmy_garoppolo.jpg

A exibição de Garappolo beneficiou de uma melhoria bastante evidente nos lances de bola em corrida, pois LeGarrette Blount acumulou 69 jardas terrestres em 11 jogadas, e Tyler Gaffney adicionou 31 jardas em 11 jogadas. A eficácia do ataque facilitou as simulações nos lances de play-action e os totais só não foram mais impressionantes porque Brandon Bolden sofreu um fumble na redzone numa altura em que os Patriots se preparavam para marcar.

No lance em questão, o veterano cornerback Tracy Porter conseguiu arrancar a bola das mãos de Bolden e de imediato lançou-se ao chão para segurar o fumble.
O treinador Bill Belichick ficou agradado com o progresso registado pelo ataque terrestre.

"Foi consistente, mais jogadas coerentes, enquanto na semana passada (contra New Orlean) tivemos seis [ou] sete jogadas negativas, e duas com avanços (gains) longos que fizeram com que a média parecesse OK", disse o treinador. "O nosso objetivo número um 1 é sempre manter a bola e seguir em frente... evitar [situações] de longa distância e fazer jogadas positivas. Penso que fizemos um trabalho muito melhor nesse aspeto, tivemos muitas jogadas de 3 e 4 jardas."

Os Bears começaram melhor o jogo e chegaram ao fim do primeiro período a ganhar por 11-0. Curiosamente, neste encontro só uma equipa marcou em cada um dos quatro períodos, os Patriots marcaram 17 no segundo e 6 no terceiro, os Bears tiveram 11 no primeiro e 11 no quarto.

Mas, a sequência mais impressionante do ataque dos Patriots surgiu no chamado "two-minute drill" que encerrou a primeira parte. Com passes rápidos, Garappolo levou a equipa até à linha de 16 jardas e depois conectou com A.J. Derby, que foi um dos destaques da equipa neste jogo, pelo meio para o touchdown. Seguiu-se a conversão de dois pontos, desta feita para Chris Hogan.

ap_aj_derby.jpg

Depois de consentir os 11 pontos no período inicial, a defesa esteve sólida durante o resto do jogo e só permitiu mais pontos na segunda metade do último período numa altura em que a maioria dos titulares já estava a descansar na linha lateral.

Na conferência de imprensa após o final da partida, Bill Belichick confirmou ter retirado conclusões importantes da exibição da equipa, que conforme seria de prever nesta altura do ano fez exibição marcada por altos e baixos.

"Fizemos algumas coisas boas. Melhorámos em algumas coisas em relação à semana passada," disse Belichick. "Precisamos de mais consistência em várias áreas, que temos que trabalhar, e vamos fazer isso."

Na análise ao jogo, indicou ter gostado da forma como a equipa melhorou durante o segundo período, altura em que "conseguimos sair do campo defensivamente, adiantámos a bola no ataque, marcámos alguns pontos. Penso que a drive no fim da primeira parte foi muito bem executada; bom football situacional em termos atacantes."

Também notou melhorias no kicking game, algo que foi "ponto importante de enfâse esta semana e parece-me que os jogadores responderam bem. A nossa cobertura melhorou imenso. Houve coisas positivas que trabalhámos esta noite, agora só precisamos de ter uma outra boa semana aqui."

This article has been reproduced in a new format and may be missing content or contain faulty links. Please use the Contact Us link in our site footer to report an issue.

Latest News

Advertising